2014 MPB Nacional Resenhas

Marisa Monte – Verdade, Uma Ilusão (2014)

060253781380 Digipack CD.inddA cantora leva para os palcos um espetáculo visual e uma banda capaz de dar uma nova roupagem à suas composições

Por Lucas Scaliza

Marisa Monte tem uma carreira exitosa. No estúdio, nos palcos, entre público e crítica, entre outros músicos e artistas, celebridades e intelectuais. Seu último disco de inéditas, o excelente O que você quer saber de verdade (2011) lhe rendeu uma grande turnê no país e fora dele entre 2012 e 2013, de onde saiu Verdade, Uma Ilusão, seu novo trabalho ao vivo. É um disco – também disponível como DVD e Blu-ray – tão bonito como seu predecessor, gravado em uma sessão para fã clubes no Rio de Janeiro, no complexo Cidade das Artes.

O disco (e sua versão audiovisual) é um ótimo registro da artista ao vivo com uma banda bem ensaiada e criativa, que vai misturando harpas e violinos com violões e sintetizadores, percussão e guitarra, baixo e violoncelo. Além disso, é um espetáculo visual. Marisa se posiciona bem na beirada do palco, enquanto sua banda fica toda mais para trás. E atrás deles todos há um telão que complementa toda a experiência sonora. Cada faixa possui uma projeção específica. Quando tocam “Verdade, uma ilusão” toda a banda fica no escuro e apenas uma animação estilizada de bolhas (como gases de refrigerante) é projetada sobre o vestido branco de Marisa, criando um efeito muito interessante na própria artista e no telão ao fundo.

Fazem parte do repertório do disco canções representativas da fase mais recente de Marisa, como “O que você quer saber de verdade”, a famosa “Depois”, “Descalço no Parque”, a lenta (e até polêmica) “Amar alguém”, “Lencinho Querido” e “Ainda bem”, ambas que mantêm todo o balanço portenho e suas variações rítmicas originais.

Fotos-de-divulgação-2

Em “Diariamente” os violinos são executados de forma a soarem como sintetizadores em alguns momentos. Mas conforme a faixa se desenvolve, os instrumentos se revelam discretamente. É exemplo de uma música que depende do feeling de todos os músicos para existir ao vivo como neste Verdade, Uma Ilusão.

Se em estúdio as escolhas de instrumentação para dar forma às músicas de Marisa Monte já impressionavam (e talvez o ótimo Infinito Particular (2008) seja o maior exemplo disso em sua carreira), essas escolhas ganham nova forma neste disco ao vivo e revelam faixas já conhecidas de uma maneira nova. “Infinito particular”, “Ainda bem” e “De mais ninguém” (outra que evoca sons espanholados) são exemplos dessa construção ao vivo refinada.

Completam o repertório a densa “ECT”, “Arrepio”, a doce “Ilusão”, a pop “Dizem (quem me dera)”, a bela canção italiana “Sono come tu me vuoi” e “Gentileza”, que mostra uma Marisa Monte à frente da banda empunhando uma guitarra Parker. Fecha o show um de seus maiores hits, “Não Vá Embora”, que surge transformada, com uma atmosfera menos marcadamente samba-rock e mais grave e viajante.

Marisa Monte é um dos grandes nomes da MBP e não é à toa. Quem não pôde ainda mergulhar com tudo em sua discografia ainda a considera uma compositora e intérprete de músicas de fossa, mas isso soa como redução grosseira de seu trabalho. Há, de certa forma, uma tese sobre uma impossibilidade do amor em O que você quer saber de verdade. E em Verdade, Uma Ilusão, a compositora e cantora leva para os palcos não apenas as canções que mais representam essa tese, mas um espetáculo visual coerente e uma banda capaz de dar uma roupagem nova a suas atuais e mais antigas composições. É para ser visto e ouvido com cuidado, coma tenção aos detalhes, como suspeito que toda a discografia de Marisa Monte deva ser ouvida.

6 comentários em “Marisa Monte – Verdade, Uma Ilusão (2014)

  1. Pingback: Cidade Negra – Sobre todas as forças (1994) | Escuta Essa!

  2. Pingback: Natalie Prass – Natalie Prass (2015) | Escuta Essa!

  3. Pingback: Lenine – Carbono (2015) | Escuta Essa!

  4. Pingback: Gal Costa – Estratosférica (2015) | Escuta Essa!

  5. Pingback: Mahmundi – Mahmundi (2016) | Escuta Essa!

  6. Pingback: Tribalistas – Tribalistas (2017) – Escuta Essa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: