2014 Metal Resenhas Rock

Haken – Restoration (EP) (2014)

Duas opiniões distintas sobre o trabalho de restauração do Haken

por brunochair

Quando o Haken lançou Restoration, muita expectativa girava em torno do que a banda faria com esse EP, já que regravar músicas antigas pode ser uma ótima ideia – ou um tiro no pé.

Explicando melhor o contexto: o Haken é uma banda inglesa de metal progressivo, que está em seu terceiro álbum. Consolidou-se como uma das bandas porta voz do gênero, por conta da sonolência que abate o Dream Theater, a inexistência de elementos de metal no Transatlantic (não porque não tenham habilidade, questão de preferência estética pelo rock progressivo mais clássico) e a recém chegada do Opeth por essas esferas estéticas, embora não possa ser considerada uma banda de metal progressivo.

Neste EP (Restoration) a banda resgata, então, músicas da sua primeiro demo de 2008, Enter the 5th Dimension. Não gravaram, simplesmente e banalmente, as músicas antigas. Fizeram um trabalho de restauração de verdade, mudando partes de letras, duração das músicas, riffs de guitarras e acordes de baixo.

(Aliás, abrindo um parêntese rápido, é o primeiro registro do Haken com o novo baixista, Sr. Connen Green)

Neste ponto, apresentamos a dicotomia que envolve este EP: essas versões de músicas antigas ficaram melhores que as originais, ou não?

Alguns fãs (que tiveram acesso a demo) teceram alguns comentários negativos sobre a restauração que o Haken se propôs. Disseram que é o pior trabalho da banda desde a sua fundação, criticando sobretudo as alterações que fizeram na música “Crystallised” (na demo, chamada de “Snow”). Afirmam que a banda está tomando um caminho muito próximo ao que o Dream Theater costumava fazer em seus tempos áureos, bem como o estilístico coro de vozes ao modo Gentle Giant, também considerado já “manjado” pelos fãs.

E fazem as críticas no tom de “estão perdendo a identidade própria ao invés de continuarem criando músicas com essa certa identidade própria que criaram”. Aliás, algum desses fãs mais raivosos chegou a fazer uma montagem de uma suposta capa do Haken com a foto de El Cristo de Borja estampando a capa – alusão ao péssimo trabalho de restauração da banda frente às músicas da antiga demo.

Da parte deste resenhista que vos escreve, a tendência a ser seguida é a de que a banda evoluiu muito, desde o primeiro álbum. Acompanhando a trajetória da banda desde Aquarius (2010) observa-se um impressionante amadurecimento musical do Haken. O que em Aquarius parecia ser um caldeirão de referências e possibilidades foi ganhando “cara” com o tempo. Hoje pode-se dizer que o Haken é uma banda com “cara própria”, não mais uma cópia barata de outros conjuntos. Restoration, portanto, é o Haken com essa maior maturidade olhando pra trás e recriando a partir desse maior cabedal, dessa confiança diante do que se é hoje.

No fim das contas, a opinião deve partir de cada ouvinte, sobretudo daquele que acompanha os trabalhos da banda desde o princípio. Estes sim, poderão avaliar se o Haken vem tomando caminhos equivocados em seu processo criativo, ou se amadureceu durante este processo. Há uma terceira opinião: a de que a banda continua ótima, mas fez uma escolha infeliz ao procurar restaurar essas músicas antigas.

Somente ouvindo o álbum para avaliar com mais precisão, correto? Pois então lá vai o EP na íntegra via Youtube:

Aliás, importante comentar que o EP foi lançado apenas em ambiente virtual. Aqui, temos um videoclipe para a primeira música, “Darkest Light”. O virtuosismo e a habilidade dos integrantes em cada instrumento impressiona. Agora, resta aguardar o novo álbum da banda. Alguns creem que possa sair ainda em 2015, em razão da banda ser prolífica e absurdamente criativa.

A aguardar.

2 comentários em “Haken – Restoration (EP) (2014)

  1. Pingback: Blind Guardian – Beyond The Red Mirror (2015) | Escuta Essa!

  2. Pingback: Haken – Affinity (2016) | Escuta Essa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: