2016 Folk Indie Resenhas Rock

Wilco – Schmilco (2016)

Disco folk repete (mais uma vez) o estilo manjado da banda

Por Lucas Scaliza

Wilco leva suas canções com elevadas alternativas para o folk. Basicamente, esta é uma forma de definir rapidamente (e de um jeito bem rasteiro, é verdade), Schmilco, novo disco da banda americana. Depois de lançar Star Wars, um disco legal – e só –, Schmilco vem provar que a banda vai muito bem na arte de ser ela mesma, mesmo que isso não signifique, mais uma vez, que tenhamos em mãos um grande álbum.

A verdade é que a assinatura do Wilco é reconhecível de longe e é a mesma há muito tempo. Continua boa e continua parecendo que a banda se sente obrigada a fazer arranjos esquisitinhos e solos improváveis sobre músicas quase normais o tempo todo, em todos os discos, sem dar um passo à frente. Não superar sua própria estética é uma forma de conformismo tanto quanto usar maneirismos estilísticos para fugir do conformismo do pop rock padrão.

wilco_2016

Então Schmilco é um álbum ruim? Não. Ele tem várias boas músicas e se beneficia do bom gosto geral do sexteto de Chicago (como resistir à beatlenesca “Someone To Lose”?). O que há nele que ajuda a dar um tempo na sonoridade já meio manjada é o espaço que os violões ganharam, fazendo do álbum uma experiência mais voltada ao folk do que ao rock. O trio de abertura – “Normal American Kids”, “If I Ever Was Child” e “Cry All Day” – oxigenam a banda. Mas é na quarta música, “Common Sense”, talvez a melhor canção que eles tenham feito nos últimos anos, que o Wilco mostra suas garras. É a faixa mais estranha de Schmilco, a mais interessante, com um baixo notável e um trabalho de guitarras enervante. A indie country “Nope” e “Locator” é outra que se beneficia das estranhices do Wilco.

Schmilco é isso, um misto de estranhamento e de músicas acessíveis. Original para o mainstream, porém não tão original assim para a banda. O risco, contudo, é o de sempre. Aliás, a gente sempre espera que o Wilco não perca sua assinatura (e ele não perde mesmo), mas esperamos também que eles não sejam mais os mesmos. É hora de um chacoalhar as próprias crenças.

Anúncios

0 comentário em “Wilco – Schmilco (2016)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: