2017 Resenhas Rock

Dhani Harrison – IN///PARALLEL (2017)

Dhani Harrison e o poder da atmosfera sonora

Por Gabriel Sacramento

Eis um álbum que te conquista lentamente a cada nova audição, te convida a entender o seu mundo e a adentrar um universo sombrio e escuro, com pequenos resquícios de cores ao longo do caminho. IN///PARALLEL, novo trabalho do filho de George Harrison, é exigente e difícil, mas uma vez que ele já tem a confiança do ouvinte, passa a soar belo, singelo, extremamente criativo, futurístico e singular. Passamos a entender a sofisticação das escolhas melódicas e harmônicas quando olhamos para dentro da grande massa estratosférica que envolve o álbum – como a faixa de abertura “Never Know” que, depois de várias audições, soa para mim dotada de uma venustidade estonteante. Um disco musicalmente edificante, que irá ajudar a ampliar seus horizontes e definições do que é música e de como ela pode ser feita.

O nome Harrison na capa do álbum pode te fazer esperar algo que faça referência ao Beatle quieto, mas a primeira grande surpresa é que o filho de George não tem a intenção de viver à sombra do que seu pai produziu em termos artísticos. Ele busca seus próprios caminhos, enfrenta os perigos sozinho, guardando, é claro, o DNA do pai, mas com uma forte personalidade e individualidade que não deixa que façamos meras comparações com outros álbuns.

67-og

Trata-se de um disco extremamente pessoal e introspectivo. A produção é do próprio Harrison para que tivesse controle total do que é feito, garantindo que as canções reflitam quem ele é de fato. Mesmo assim, não é um álbum-de-um-homem-só: tivemos vários profissionais envolvidos, como por exemplo Paul Hicks na mixagem, engenharia e composição e Jonathan Bates nos vocais adicionais e guitarras, além de outros músicos.

Dhani faz do álbum o seu laboratório de experimentos sonoros. “#WarOnFalse” abusa do reverb e das eletronicidades esquisitas, para afirmar personalidade. “Summertime Police” é sorrateira e bonitinha, mas traz uma beleza fora do padrão. A forma como Harrison pensa e preza pela atmosfera das faixas é quase cinematográfica – o que faz sentido, já que ele já compôs trilhas para filmes. “Úlfur Ressurrection” começa com um timbre eletrônico diferente e desemboca num show de reverbs tensos e sombrios, mas que também possuem algo que marca e cativa o ouvinte. “All About Waiting” tem momentos mais roqueiros, mesclados com ótimas harmonias vocais feitas com a cantora Camila Grey.

A forma como Dhani Harrison aborda o reverb neste álbum é quase poética. Ele cerca as faixas e os arranjos em grandes toneladas de ambiência e de atmosferas escuras que encobrem os timbres, assim como ele se encontra envolto pelas sombras na capa, criando uma verdadeira sensação de bolha sonora. O efeito reverb é tratado quase como um instrumento. Em vários momentos notamos frequências sobrando, ecoando por todo o espaço e ocupando o lugar de outras frequências que seriam mais importantes, algo que em álbum pop polido seria considerado um pecado. Já aqui, Harrison usa e abusa desse (d)efeito para construir a imagem e o design do seu som. Também é comum ouvirmos timbres estranhos, meio eletrônicos, se sobressaindo na mix e chamando a nossa atenção. Essa abordagem não ortodoxa quanto aos timbres e quanto à ambiência das faixas sugere algo muito único do artista, um resultado que Harrison almeja e alcança muito bem.

IN///PARALLEL é o primeiro álbum solo dele, que já tinha trabalhado em outros projetos sempre acompanhado de outros músicos. É sua chance de dar vazão às suas ideias mais malucas e mais custosas. Ainda acho que a experiência do álbum poderia ser melhor se viesse associada a algum conteúdo visual complementar. Mas enquanto não temos essa opção, fica por conta de nossa imaginação a produção das imagens mentais e viagens guiadas pelo piloto Dhani Harrison. George ficaria orgulhoso de ouvir isso.

DhaniHarrison_Photo by Scott Dudelson_06.22
Scott Dudelson

 

Anúncios

0 comentário em “Dhani Harrison – IN///PARALLEL (2017)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: